quinta-feira, 8 de abril de 2021

MENSAGEM DE PÁSCOA

 “Nós não perdemos a esperança”, afirma Dom Jacinto Brito em mensagem de Páscoa

Dom Jacinto Brito


Em mensagem de Páscoa divulgada na manhã deste domingo, dia 04 de abril, o Arcebispo de Teresina, Dom Jacinto Brito, recorda a trajetória de Jesus, que venceu o pecado e a morte e deixa uma mensagem de esperança para os fiéis.

“Esse é o dia que o Senhor fez para nós. Exultemos e Nele nos alegremos! De fato, irmãos e irmãs, hoje é o dia de festa por excelência, toda a igreja vibra proclamando: ‘Cristo ressuscitou, Aleluia!’ e nós membros da comunidade cristã, nós representantes da comunidade cristã que está em Teresina, unimos nossa voz a voz de todos que creem em Cristo e erguemos ao Pai o louvor pelo ressuscitado, pela vitória daquele que venceu o pecado e a morte e por isso mesmo nos inspira confiança mesmo nesses tempos de provação de isolamento, de angústia por tantas pessoas que morrem, ou que estão intubadas ou que estão na UTI. Nós não perdemos a esperança”, disse Dom Jacinto.

O Arcebispo destaca ainda que é preciso seguir a Cristo para alcançar a verdadeira glória. “Sabemos que para além dessa vida, temos uma vida que permanece, sabemos que ninguém está sozinho mesmo em sua dor. Jesus desceu ao mais profundo do sofrimento para que nenhum sofrimento humano lhe fosse estranho e aí também pode reconduzir a vida todas as pessoas que estão neste mundo, peregrinam em busca da casa do Pai. Vamos então seguir o ressuscitado, Ele diz ‘siga-me’ e nós os acompanhamos para chegar com Ele a verdadeira glória. Feliz Páscoa!”, conclui.

domingo, 28 de março de 2021

MISSA DE DOMINGO RAMOS

 07h30 – Missa de Ramos (presidida por Dom Jacinto Brito

Conforme o regulamento, a santa missa foi linda.

Mais detalhe confira o site http://arquidiocesedeteresina.org.br/, tudo sobre as celebrações da Semana Santa.

Feliz Semana Santa!

quinta-feira, 25 de março de 2021

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA DA IGREJA CATEDRAL DE NOSSA SENHORA DAS DORES DE TERESINA -PI

 Programação da semana Santa  da Catedral Nossa Senhora das Dores




Fonte: http://arquidiocesedeteresina.org.br/


Domingo – 28.03.21

07h30 – Missa de Ramos (presidida por Dom Jacinto Brito)

17h – Missa de Ramos



Segunda-feira – 29.03.21

18h – Missa do Crisma (presidida por Dom Jacinto Brito)



Quinta-Feira Santa – 01.04.21

18h – Missa da Ceia do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sexta-Feira Santa – 02.04.21

15h00 – Celebração da Paixão do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sábado Santo – 03.04.21

19h00 – Solene Vigília Pascal (presidida por Dom Jacinto Brito)



Domingo – 04.04.21

7h30 e 9h30 – Missa de Páscoa

18h – Missa de Páscoa (presidida por Dom Jacinto Brito)






Quinta-Feira Santa – 01.04.21

18h – Missa da Ceia do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sexta-Feira Santa – 02.04.21

15h00 – Celebração da Paixão do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sábado Santo – 03.04.21

19h00 – Solene Vigília Pascal (presidida por Dom Jacinto Brito)



Domingo – 04.04.21

7h30 e 9h30 – Missa de Páscoa

18h – Missa de Páscoa (presidida por Dom Jacinto Brito)

Domingo – 28.03.21

07h30 – Missa de Ramos (presidida por Dom Jacinto Brito)

17h – Missa de Ramos



Segunda-feira – 29.03.21

18h – Missa do Crisma (presidida por Dom Jacinto Brito)



Quinta-Feira Santa – 01.04.21

18h – Missa da Ceia do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sexta-Feira Santa – 02.04.21

15h00 – Celebração da Paixão do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sábado Santo – 03.04.21

19h00 – Solene Vigília Pascal (presidida por Dom Jacinto Brito)



Domingo – 04.04.21

7h30 e 9h30 – Missa de Páscoa

18h – Missa de Páscoa (presidida por Dom Jacinto Brito)

Arquidiocese divulga orientações para celebrações da Semana Santa 2021

 

Arquidiocese divulga orientações para celebrações da Semana Santa 2021


Fonte: arquidiocesedeteresina.org

A Arquidiocese de Teresina, por meio da Comissão de Liturgia, disponibilizou orientações para as celebrações litúrgicas do Tríduo Pascal em virtude do tempo de pandemia da COVID-19. As medidas referem-se principalmente aos protocolos sanitários que devem ser seguidos para garantir a segurança dos fiéis e evitar a disseminação do vírus.

Durante todo o período, que iniciará no próximo domingo (28), a participação dos fiéis fica limitada a 30% da capacidade da igreja e todas as celebrações da Semana Santa não poderão passar de duas horas de duração. O documento, direcionado para todas as comunidades paroquiais, diaconias e áreas pastorais, também reforça a importância das celebrações serem transmitidas por meio das redes sociais para que os católicos possam acompanhar cada momento.

No Domingo de Ramos não haverá procissão e os fiéis devem levar os ramos que serão abençoados diretamente nas mãos de cada pessoa. Seguindo as indicações práticas da Comissão, recomenda-se que na celebração da Ceia do Senhor (Quinta-Feira Santa) não seja realizado o rito do lava-pés e nem a transladação do Santíssimo Sacramento, que após um breve momento de adoração deve ser conservado no tabernáculo como de costume.

Já na Paixão do Senhor (Sexta-Feira Santa) não acontecerá o tradicional beijo da Cruz. E na Solene Vigília Pascal (Sábado Santo), a quantidade de leituras deve ser reduzida, a fim de que não ultrapasse as duas horas de celebração estabelecidas através dos decretos governamentais.



Todas as recomendações estão disponíveis    aqui.

Padre explica o significado de cada dia da Semana Santa

Com início no Domingo de Ramos e término na Páscoa, a Semana Santa prepara os católicos para vivenciarem a maior celebração da Igreja, a ressurreição de Jesus Cristo. “Na Semana Santa nós cristãos temos a graça de poder celebrar os principais mistérios da vida de Cristo, a sua paixão, a sua morte e a sua ressurreição. Por isso, nós nos preparamos durante toda a Quaresma que faz parte desse tempo com a intenção de um coração purificado, um coração renovado para poder alcançar de modo mais profundo os bens espirituais que a Semana Santa nos oferece e deixá-lo frutificar no dia-a-dia da vida”, explica o Padre Klebert Viana, pároco da Catedral de Nossa Senhora das Dores.

No Domingo de Ramos, a igreja celebra a entrada de Jesus em Jerusalém. “Messias esperado agora entra triunfante em Jerusalém e é aclamado por todo o povo”, ressalta o padre. E na segunda-feira, a Arquidiocese de Teresina realiza a celebração crismal. “Uma celebração com caráter festivo, com os padres que fazem a renovação das suas promessas sacerdotais, mas também com a participação inequívoca do povo, dos fiéis que também exercem de alguma forma o sacerdócio comum de todos os fiéis”, explicou.

Iniciando o Tríduo Pascal, na Quinta-Feira Santa é celebrada a Instituição da Eucaristia. “Cristo se dá ao mundo como alimento, alimento que traz vida nova, alimento que traz a vida eterna como Ele mesmo diz no evangelho de João ‘Quem comer deste pão e beber deste cálice não morrerá mas terá a vida eterna’”, explicou padre Klebert. Neste dia também é celebrada a instituição do sacerdócio ministerial.

Já na Sexta-Feira Santa é celebrada a Paixão do Senhor, o ato de sacrifício redentor na cruz, e no Sábado Santo a Solene Vigília Pascal, que é o centro de todo o ano litúrgico. “Cristo que muitas vezes anunciou a sua morte, todas as vezes anunciou também a sua ressurreição e nós celebramos exatamente no Sábado Santo”, destacou. No domingo, o dia do Senhor, os cristãos se alegram pela ressurreição, a vitória de Jesus Cristo sobre a cruz.

Confira a programação da Catedral de Nossa Senhora das Dores:

Domingo – 28.03.21

07h30 – Missa de Ramos (presidida por Dom Jacinto Brito)

17h – Missa de Ramos



Segunda-feira – 29.03.21

18h – Missa do Crisma (presidida por Dom Jacinto Brito)



Quinta-Feira Santa – 01.04.21

18h – Missa da Ceia do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sexta-Feira Santa – 02.04.21

15h00 – Celebração da Paixão do Senhor (presidida por Dom Jacinto Brito)



Sábado Santo – 03.04.21

19h00 – Solene Vigília Pascal (presidida por Dom Jacinto Brito)



Domingo – 04.04.21

7h30 e 9h30 – Missa de Páscoa

18h – Missa de Páscoa (presidida por Dom Jacinto Brito)

terça-feira, 23 de março de 2021

ÁGUA, AR E ALIMENTOS TUDO HAVER

 

Dia da água, o Papa: agir sem demora para não desperdiçar e poluir

Em uma mensagem em nome de Francisco, assinada pelo cardeal Parolin e dirigida aos responsáveis da FAO e da UNESCO no Dia mundial da água, o Pontífice reitera o valor deste recurso indispensável, a urgência de mudar os estilos de vida e a linguagem para protegê-la, e a necessidade de uma colaboração global para permitir sua distribuição justa em qualidade e quantidade em todo o mundo.



Gabriella Ceraso – Vatican News

Responsabilidade e cuidado com a água estão no centro da mensagem assinada em nome de Francisco pelo Secretário de Estado, Pietro Parolin, no Dia que vê uma mobilização no mundo inteiro para dar a devida importância a uma fonte indispensável de vida, como afirma o tema escolhido este ano, "Valorizar a água". No entanto, observa o cardeal - que falou através de uma mensagem em vídeo à cúpula da FAO sobre a alimentação - "este recurso não foi tratado com o cuidado e a atenção que merece. Desperdiçá-la, negligenciá-la ou poluí-la é um erro" que ainda hoje se repete.



Questões críticas: água insalubre, mudanças climáticas, exploração



Existem vários problemas relacionados à água no século XXI, a "era do progresso e dos avanços tecnológicos". O primeiro, que gera uma dívida com os países pobres, é o acesso à água potável segura que ainda não está ao alcance de todos. A água - recorda o Papa na Laudato si' - é "um direito humano básico, fundamental e universal, [...] uma condição para o exercício de outros direitos humanos"; um bem ao qual todos os seres humanos, sem exceção, têm o direito de ter acesso adequado, a fim de levar uma vida digna. A isto se acrescenta hoje - aponta o cardeal Parolin - "os efeitos nocivos da mudança climática, das enchentes à seca ao degelo e ao empobrecimento das águas subterrâneas", todos fenômenos que comprometem a qualidade da água e impedem uma vida serena e fértil. Para este estado de coisas, observa o Secretário de Estado, "contribui também a difusão da cultura do usa e joga fora e a globalização da indiferença, levando o homem a sentir-se autorizado a saquear e esgotar a criação". Sem mencionar a pandemia que tem exacerbado as desigualdades sociais e econômicas, "destacando os danos causados pela ausência ou ineficiência dos serviços hídricos entre os mais necessitados".
Sobriedade e solidariedade nos estilos de vida e na linguagem


Basta, portanto de formas de poluição dos recursos hídricos, mares, rios. Basta de estilos de vida que não visam o bem comum. Em sua mensagem, o cardeal Parolin, olhando para o futuro e para a vida das próximas gerações, pede, antes de tudo, o início de um processo educacional que mude o foco na busca do bem, da verdade e da beleza para que estes sejam os motores por trás das escolhas de consumo, poupança e investimentos. E com o estilo de vida, mude também a linguagem em termos de respeito, precisamente para continuar neste âmbito a "valorizar a água", como requer o tema deste ano. Assim, indica o Secretário de Estado, "em vez de falar de seu consumo, devemos nos referir ao seu uso sensato, de acordo com nossas reais necessidades e respeitando as dos outros". "Se vivermos de modo sóbrio e colocarmos a solidariedade no centro de nossos critérios, usaremos a água de forma racional, sem desperdiçá-la inutilmente, e poderemos compartilhá-la com aqueles que mais precisam dela. Por exemplo, se protegermos as áreas úmidas, reduzindo as emissões de gases de efeito estufa, possibilitaremos a irrigação de pequenos proprietários e melhoraremos a resiliência nas áreas rurais, e assim as comunidades de baixa renda, que são as mais vulneráveis no abastecimento de água, se beneficiariam e seriam retiradas de sua prostração e negligência".

Água e alimentos: uma ligação estreita e fundamental


Enfim, dar valor ao precioso recurso da água também significa reconhecer a ligação entre sua qualidade e segurança alimentar, tanto em termos de abastecimento quanto de higiene e saúde. De acordo com a mensagem, a água está na base de "todos os aspectos dos sistemas alimentares: na produção, processamento, preparação, consumo e, em parte, também na distribuição de alimentos". O acesso à água potável e ao saneamento adequados reduz o risco de contaminação de alimentos e a propagação de doenças infecciosas".
Agir sem demora para dar de beber aos sedentos

A advertência, portanto, é de "agir sem demora" para que todos tenham acesso à água de maneira justa: parar de desperdiçá-la, de mercantizá-la e de contaminá-la. O cardeal Parolin afirma que a colaboração entre os Estados, setor público e privado é necessária, assim como a contribuição das organizações intergovernamentais, e que há uma necessidade urgente de "cobertura legal obrigatória e apoio sistemático e eficaz" para garantir água de igual qualidade e quantidade em todo o mundo. "Apressemo-nos portanto a dar de beber aos sedentos, a corrigir nossos estilos de vida para não desperdiçar ou poluir, a nos tornarmos protagonistas dessa bondade que levou São Francisco de Assis a descrever a água como uma irmã 'muito humilde, preciosa e casta'".

Fonte: https://www.vaticannews.va/

Papa Francisco: São José, homem sábio a quem confiar a vida

 

Papa Francisco: São José, homem sábio a quem confiar a vida

Sagrada Família:São José Jesus e Maria

Saiba mais



Papa Francisco: São José, homem sábio a quem confiar a vida
No final da Audiência Geral, o Papa recordou a Solenidade de São José, sexta-feira 19 de março, e o início do Ano da Família Amoris laetitia. Do esposo de Maria, para o qual convocou um Ano especial, Francisco sublinhou sua capacidade de "compreender e colocar em prática o Evangelho".



Benedetta Capelli – Vatican News

"Um grande santo" a quem entregar a própria existência. Assim, o Papa Francisco recordou a próxima Solenidade de São José, na saudação em italiano, no final da Audiência Geral, desta quarta-feira (17/03). "Sejam sábios como ele, prontos para compreender e colocar em prática o Evangelho", acrescentou o Pontífice.

Ouça e compartilhe

Na vida, no trabalho, na família, nos momentos de alegria e tristeza São José procurou e amou constantemente o Senhor, merecendo o elogio das Escrituras como um homem justo e sábio. Invocá-lo sempre, especialmente nos momentos difíceis que vocês possam encontrar. A todos a minha bênção!

Também na saudação em polonês, Francisco recordou São José e o início do Ano da Família Amoris Laetitia:

Que Maria, Rainha da Polônia, obtenha para as famílias a visão evangélica do matrimônio, na compreensão recíproca e no respeito pela vida humana. Abençoo de coração todos vocês e todos aqueles que participarão das iniciativas promovidas para as celebrações do Ano mencionado.
O coração de Pai

Não uma figura silenciosa, mas um homem que escuta, que aceita o plano de Deus para sua vida e de sua família. São José é um santo amado sobretudo pelo Papa Francisco que lhe dedicou uma intensa carta apostólica "Patris Corde - com um Coração de Pai" em memória dos 150 anos da declaração como Padroeiro universal da Igreja, e ao mesmo tempo lhe dedicou o Ano de São José até 8 de dezembro de 2021. Francisco destaca diferentes características do pai putativo de Jesus. Ele o chama de pai amado, pai na ternura, na obediência e no acolhimento, pai de coragem criativa, trabalhador, sempre na penumbra.


LEIA TAMBÉM
08/12/2020

Aquele que acolhe a fragilidade

Em algumas dessas características se concentrou o Comitê de São José que reúne várias realidades diferentes, mas todas inspiradas ao Padroeiro universal da Igreja, como os Oblatos, os Josefinos de Murialdo, as Irmãs Murialdinas, as Franciscanas Missionárias do Menino Jesus e muitas outras. Desde terça-feira (16/03), no canal YouTube do Comitê de São José, às 15h, é possível assistir vídeos que oferecem reflexões de biblistas, religiosos e religiosas sobre os aspectos de São José como "pai na obediência" ou "pai no acolhimento", com imagens que vêm de Roma, Nápoles e Asti, cidades onde existem basílicas ou santuários dedicados ao esposo de Maria. O pe. Luigi Testa, Oblato de São José, é um dos membros do Comitê de São José:

Pe. Testa: O Papa Francisco esclarece desde o início da Carta, que embora o Evangelho fale pouco sobre São José, diz "o suficiente". Esta já é uma primeira afirmação importante porque geralmente, na pregação comum ou na linguagem comum, sempre se diz que pouco se sabe sobre José, mas os dados bíblicos nos dizem que se sabe o suficiente. Depois, esta Carta Apostólica é muito significativa porque sonda o coração de São José como se estivesse entrando nas pregas deste coração. Além do fato de que não o considera apenas como um coração de ternura, um coração capaz de obediência, de acolhimento, de coragem criativa e trabalhador, mas é significativo que na figura de São José o Papa vê uma figura comum, que pode ser um ponto de referência para muitas pessoas. Tudo isso se declina na vida espiritual, na vida ordinária, na vida cotidiana.

A seu ver, qual é a relevância de São José hoje? Como podemos olhar para ele neste tempo de pandemia que condiciona nossa vida, condiciona também muitas escolhas?

Pe. Testa: São José nos ensina antes de tudo a acolher nossas fraquezas com profunda ternura, a acolher as situações de fragilidade, de precariedade que vemos em nós e ao nosso redor com a atitude de confiança, de delicadeza, de atenção, evitando o desânimo. Ajuda-nos a saber ler nas pregas da história a possibilidade de ouvir a voz do Senhor que vem para nos tranquilizar e não nos deixa à mercê de nós mesmos. Diante das dificuldades, diz o Papa Francisco, pode haver a atitude de quem abandona o campo ou a atitude de quem de alguma forma se inventa, José deve se esforçar, deve se ocupar. Pensemos nesta pandemia, como em nossas atividades pastorais tivemos que nos projetar de outras maneiras, em outras modalidades para chegar às pessoas e estar perto delas.


LEIA TAMBÉM
27/12/2020


Sexta-feira é o dia de São José e também começa o Ano de Amoris laetitia, um ano especial dedicado à família. De que forma São José pode ser um farol para a família de hoje?

Pe. Testa: São José não é apenas um personagem em si, mas uma pessoa em relação. Toda sua vida foi determinada por Maria e Jesus. Ele teve que acolher Maria como sua esposa, acolher Jesus como filho, respondeu a uma missão particular. A família constitui o fundamento essencial também para a vida de Jesus. Jesus nasceu dentro do matrimônio, mesmo que por obra do Espírito Santo. Portanto, neste ano dedicado a São José e depois no Ano da Família para recordar os 5 anos de Amoris laetitia, a figura do pai putativo se encaixa perfeitamente porque na família de Nazaré temos o reflexo da Trindade celeste. São José é aquele que se torna senhor em sua casa, mas como sinal da custódia. Daí a atenção e a delicadeza para com a mulher, para com Maria, porque José nos ensina muito deste ponto de vista ainda hoje. De fato, existem mulheres que vivem dramas em suas situações familiares. Há atenção e delicadeza para com Jesus porque o faz crescer, aprendendo também a morrer como pai. Portanto, existe este cuidado e atenção pela família e por cada família e, em seguida, um cuidado maior pela Igreja, família dos filhos de Deus.

Alguns dias atrás, falando aos confessores, Francisco sugeriu rezar a São José para que eles pudessem receber o dom da paternidade. Como o senhor reflete a paternidade da Igreja ligada a São José em sua vida de religioso?

Pe. Testa: Esta paternidade requer atenção, delicadeza, desapego, senso de maturidade, oblação. Somos Oblatos de São José, portanto, oferecidos a Deus como São José aos cuidados dos interesses de Jesus. Não devemos cultivar nossos interesses pessoais ou a afirmação de nós mesmos, mas para dar espaço ao outro, através da escuta e do silêncio. São José é um mestre nisso porque é o homem da escuta, mas também o homem do silêncio, não porque está calado e não tem nada a dizer ou não tem palavras, mas porque a sua é uma atitude profundamente contemplativa, de acolhimento desta Palavra, esperando o aceno de Deus. Na experiência confessional, esta atenção e delicadeza são necessárias para que o outro se sinta acolhido pelo que é, não tanto pelo pecado que cometeu ou pelo erro que cometeu, mas porque é uma pessoa que deve ser acompanhada, ajudada e, acima de tudo, apoiada em sua fragilidade.

Quais frutos o senhor gostaria de ver colhidos durante este ano dedicado a São José? Qual é o seu desejo?

Pe. Testa: O meu desejo é de que se aprofunde São José do ponto de vista da reflexão teológica, a partir dos dados bíblicos, sua figura como parte essencial dos mistérios da vida de Cristo Senhor. Depois, eu espero que o amor por este grande santo cresça, não apenas a devoção, mas também o conhecimento teológico, o conhecimento dos mistérios de Cristo, porque ele tem muito a dizer à vida diária sobre o sentido e o papel da paternidade, que não é algo a ser colocado de lado.

Crédito: https://www.vaticannews.va/

segunda-feira, 22 de março de 2021

VACINAÇÃO - CONFIRA OS DIAS DE SUA VACINA

 Fundação Municipal de Saúde (FMS) informa que inicia nesta terça-feira (23) a vacinação



A Fundação Municipal de Saúde (FMS) informa que inicia nesta terça-feira (23) a vacinação de pessoas com 76 anos pela manhã e 75 anos a tarde contra a Covid-19. Os dez postos de drive thru irão funcionar das 9h às 17h para atendimento desse público.


Dia 24, quarta-feira, serão vacinadas as pessoas com 74 anos, mas existe nova organização com atendimento pela manhã das 9h às 13h para as mulheres e a tarde para os homens das 13h às 17h. Essa mesma estratégia de divisão de atendimento será executada nas demais datas.


Dia 25, quinta-feira, deverão ser vacinadas as pessoas com 73 anos. No dia 26, sexta-feira, a vacinação é para quem tem 72 anos e no sábado, 27, para quem tem 71 anos.


Conforme o calendário, prossegue a vacinação com a primeira dose na segunda-feira, 29, para quem tem 70 anos e seguirá a organização de mulheres no turno da manhã e homens no turno da tarde.

A vacinação com a segunda dose tem continuidade na terça, 30, pela manhã e tarde para idades de 84 e 83 anos, nos turnos manhã e tarde, e na quarta-feira, 31, quando deverão ser atendidos os idosos com idades entre 82 e 81 anos.


O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, orienta que as pessoas procurem os postos somente na data para cada idade. “Temos uma organização que deve ser seguida e nessa nova etapa vamos atender as mulheres pela manhã e os homens no turno da tarde para evitar aglomeração e longas filas”, diz.


Datas e público a ser vacinado:


23.03 (76 anos manhã/ 75 anos tarde)


24.03 (74 anos mulheres manhã/homens tarde)

25.03 (73 anos mulheres manhã/ homens tarde)

26.03 (72 anos mulheres manhã/ homens tarde)

27.03 (71 anos mulheres manhã/ homens tarde)

29.03 (70 anos mulheres manhã/ homens tarde)


Segunda dose

30.03 (84 e 83 anos - manhã e tarde)

31.03 (82 e 81 anos -manhã e tarde)


Confira os postos de vacinação:


1 – Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Pirajá;

2 – Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, São Pedro;


3 – ADUFPI – Av. Universitária, 391, Ininga;


4 -Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.

5- Terminal do Bela Vista - Av. Prefeito Wall Ferraz – Bairro Bela Vista

6 – Faculdade Estácio de Teresina – estacionamento da faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João

7 – Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem)

8 – Terminal de Integração Zoobotânico – Avenida Presidente Kennedy, bairro Zoobotânico

9 – Terminal de Integração Livramento – Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu I

10 – Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.

sábado, 20 de março de 2021

Solenidade de São José e no Ano dedicado ao Patrono da Igreja Universal

 

Amoris laetitia e São José se cruzam com surpreendente continuidade

Sagrada Família

Na Solenidade de São José e no Ano dedicado ao Patrono da Igreja Universal, tem início o Ano da Família Amoris laetitia, 5 anos após a publicação da Exortação pós-sinodal. Dois aniversários importantes que se cruzam com uma surpreendente continuidade.




Benedetta Capelli, Silvonei José – Vatican News


São José e a família. Um vínculo de ternura que vem imediatamente à mente como a mais natural das associações. "Um homem justo e sábio", definiu-o o Papa Francisco na audiência de quarta-feira; um Pai amado, acolhedor e na penumbra, um Pai da coragem criativa, lemos em Patris corde, a Carta apostólica com a qual o Pontífice proclamou o Ano de São José no dia 8 de dezembro de 2020. Um ano que se sobrepõe ao da Família que começa nesta sexta-feira, na solenidade do esposo de Maria, e 5 anos após a publicação de Amoris laetitia.


Francisco - outra importante associação - assinou a Exortação Apostólica precisamente em 19 de março de 2016, em meio ao Jubileu da Misericórdia e sob a proteção de São José. Na conclusão de Amoris laetitia, os muitos fios desta tela, tecida de amor pela Igreja e seus filhos, são entrelaçados.



Oração à Sagrada Família




Jesus, Maria e José, em vós contemplamos o esplendor do verdadeiro amor, a vós, confiantes nos entregamos. Sagrada Família de Nazaré, tornai também a nossas famílias lugares de comunhão e cenáculos de oração, escolas autênticas do Evangelho e pequenas Igrejas domésticas.
Sagrada Família de Nazaré, que nunca mais haja episódios de violência, fechamento e divisão nas famílias; que qualquer um que tenha sido ferido ou escandalizado seja prontamente confortado e curado. Sagrada Família de Nazaré, conscientizai a todos do caráter sagrado e inviolável da família, de sua beleza no plano de Deus. Sagrada Família de Nazaré, fazei com que todos nós tomemos consciência do caráter sagrado e inviolável da família, de sua beleza no plano de Deus.



sexta-feira, 19 de março de 2021

VACINAS AOS IDOSOS

 Vacinação de idosos de 77 e 78 anos contra Covid acontece sexta


Vacinação de idosos de 77 e 78 anos contra Covid acontece sexta (19) e sábado (20) em Teresina.


A vacinação ocorrerá na capital das 9h às 17h. Para receber a dose do imunizante é preciso ter em mãos o CPF, documento de identificação com foto e comprovante de residência.

Caso o idoso não disponha de um meio de transporte, ele pode optar por receber a vacina em uma das dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs), que deve ser agendada no site Vacina Já.Caso o idoso não disponha de um meio de transporte, ele pode optar por receber a vacina em uma das dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs), que deve ser agendada no site Vacina Já.


Veja os pontos de vacinação:


Universidade Estadual do Piauí (UESPI) - Campus Torquato Neto - Rua João Cabral, 2231, Pirajá;

Centro Universitário Santo Agostinho - Avenida Professor Valter Alencar, 855, São Pedro;
ADUFPI - Av. Universitária, 391, Ininga;

Teresina Shopping - Edifício Garagem G1 - Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.

UNINOVAFAPI - Rua Vitorino Orthiges Fernandes, 6123, Planalto Uruguai.

Faculdade Estácio de Teresina - estacionamento da faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João

Terminal de Integração Parque Piauí - Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem)

Terminal de Integração Zoobotânico - Avenida Presidente Kennedy, bairro Zoobotânico

Terminal de Integração Livramento - Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu I

Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.


Credito

Por G1 PI

SOLENIDADE DE SÃO JOSÉ

 CATEDRAL DE TERESINA  REALIZA SOLENIDADE DE SÃO JOSÉ

Solenidade de São José

São José rogai por nós!

A celebração de São José está acontecendo agora na Igreja Nossa Senhora das Dores, que teve início às 19 horas e transmitida ao vivo pelos meios de comunicações.

A santa missa foi celebrada por Dom Jacinto bispo metropolitano de Teresina; conforme o decreto estadual.
Após a santa missa haverá sorteio de rifa entre amigos.

Relação dos nomes dos ganhadores do sorteio entre amigos; a rifa foi em prol a energia solar da Igreja Nossa Senhora das Dores.

1 - Érica Madeira 1978 secador de cabelo
2 - Zé Lula 1529 faqueiro
3 - Joana Lopes 2445 liquidificador
4 - Maria de Lourdes 0900 batedeira
5 - Patrícia e Lumin 0819 ventilador
6- Tâmara 0514 Ferro elétrico
7 - Zé Vieira e Ianaracy 0831 conj. de panela
8 - Antônio Ferreira 2028 panela elétrica
9 - Maria do Socorro 2337 espremedor de frutas
10 - Marcelo e Dorinha 1099 sanduicheira
11 - Maria de Fátima 1388 churrasqueira elétrica
12 - Samio 0669 cafeteira 

Deus abênçõe a todos e nos dê o fim da pandemia,

segunda-feira, 15 de março de 2021

COMUNICADO OFICIAL - ORIENTAÇÃO DIANTE DO AGRAVAMENTO DA PANDEMIA

 



Irmãos, na Missa de meio-dia, de hoje, o Pe. Klebert avisou que:

- O Tríduo de São José e o Mutirão de Confissões vão ser adiados.

- Hoje, terça e quarta; na Missa 12 e 17h.

- Sexta, dia de São José, Missa transmitida às 19h (com as portas da Catedral fechadas).

sexta-feira, 12 de março de 2021

CONVITE - TRÍDUO E FESTA DE SÃO JOSÉ

 


PEDIDO DE SOCORRO AOS PAÍSES QUE PODEM AJUDAR O BRASIL COM VACINA

SOCORRO! EM NOME DE JESUS.

Socorro, por favor nos ajudem, não temos vacinas, nosso gente está morrendo por falta de vacina, sem contar a fome e o desemprego que mata também!

Se algum país tiver vacina sobrando, por gentileza ajude-nos! Não só o Brasil mais todos que assim como meu país, estão.  

Que Deus nos abençoe!

Deus seja louvado.



AJUDE A AJUDAR COLOCAR ENERGIA SOLAR NA CATEDRAL DE TERESINA

Sim, você pode ajudar comprando a camisa São José, pelo preço bem encontra 25 reais, na Igreja Catedral Nossa Senhora das Dores; contato 86 3232 2584 e assim a Igreja terá energia solar e todos fieis agradecem a sua generosa bondade.



Ajude a ajudar

Tríduo de São José  


No dia 16 na terça-feira -  Liturgia e leilão de mesa.

Haverá no  Tríduo, um leilão oculto,  rifa entre amigos com  sorteio no dia 19.

Participemos com muita alegria do tríduo e festa de São José,  dentro de nossas disponibilidades.

#parteliturgica
#leilaodemesa
#leilaooculto