domingo, 3 de fevereiro de 2019

SÃO BRÁS

MISSA DAS 07:30h  DA MANHÃ

A celebração da Santa Missa, acontece todos os Domingos às 07:30h da manhã, a celebração de hoje, foi celebrada pelo padre Padre Osório Neto, pároco da Catedral. A igreja estava lotada como todos os domingos.

Hoje é o dia de São Braz, santo protetor da garganta e curioso que o padre acendeu duas velas em cruz, abençoou, apagou e colocou no pescoço dos fieis, foi marcante.



Reflexão
Santidade, a santidade é para o homem assim como o alimento é para o corpo; santificar o corpo representa santificar à alma. Ambos santificados santifica também a moradia, a família e as pessoas e assim o homem é luz e a luz ilumina o irmão que precisa.
Jesus pede que sejamos santos em nossa casa, em nosso trabalho; que sejamos a luz e o sal da Terra.
Cuidado, devemos ter cuidado com as nossas reações, com os nossos sentimentos por que podemos incentivar  fúrias. A fúria não é amor, O amor verdadeiro sempre é o mesmo nunca decepciona.
A reforma da Catedral está prevista para terminar dia 15 de fevereiro e retornaremos dia 17. Mas a campanha das doações continua com o livro de ouro pois retomamos a reforma depois das chuvas com a pintura da parte de fora da Igreja.

sábado, 2 de fevereiro de 2019

NOSSA SENHORA DAS CANDEIAS

2 DE FEVEREIRO CONSIDERADO DIA DE NOSSA SENHORA DAS CANDEIAS
Padre Carlos Wágner

Origem da devoção a Nossa Senhora das Candeias
Fonte ( cruzterrasanta.com.br )

A origem da devoção a Nossa Senhora das Candeias (também conhecida como Nossa Senhora da Candelária ou Nossa Senhora da Luz) iniciou-se na festa da apresentação do Menino Jesus no Templo e na da purificação de Nossa Senhora, que ocorre quarenta dias depois de seu nascimento (sendo, assim, comemorada no dia 2 de fevereiro). De acordo com a tradição mosaica, as parturientes, depois de darem à luz, ficavam impuras, não podendo entrar nos templos nos quarenta dias seguintes do parto. Passados os quarenta dias, tinham que se apresentar ao sumo-sacerdote, para apresentar o seu sacrifício (um cordeiro e duas pombas) e assim obter a purificação. Assim, José e Maria logo se apresentaram no Templo e foram acolhidos por Simeão, para realizar o sacrifício. Simeão, profeta, revelou ao casal as maravilhas relacionadas ao Menino Jesus, disse a eles: “Agora, Senhor, deixa partir o vosso servo em paz, conforme a Vossa Palavra. Pois os meus olhos viram a Vossa salvação que preparastes diante dos olhos das nações: Luz para aclarar os gentios, e glória de Israel, vosso povo” (Lucas, 2,29-33). A palavra “candeia” significa vela, tocha, lâmpada.

domingo, 27 de janeiro de 2019

QUARESMA

PAPA FRANCISCO -TRAGÉDIA EM MG BRASIL

Papa Francisco manifesta solidariedade  a Brumadinho

"Quero exprimir a minha dor pela a tragédia que atingiu o Estado de Minas Gerais no Brasil". Recomendo a misericórdia de Deus a todas as vítimas e ao mesmo tempo rezo pelos feridos e exprimo  meu afeto e proximidade às suas famílias. Escreveu o santo papa em rede social
Papa Francisco participou da última missa da jornada mundial da juventude em Panamá, encerrando assim essa jornada.

MISSA DOMINICAL

FIEIS PARTICIPAM DA MISSA DA MANHÃ

Os fieis acordam cedo para participarem da missa das 7:30h da manhã. A santa missa está sendo celebrada todos os dias, no Centro Paroquial Nossa Senhora das Dores, que fica localizado na Rua David Caldas ´Centro de Teresina, a celebração aconteceu pelo padre Osório Neto, pároco desta Igreja. 

O motivo pelo qual está celebrando no Centro Paroquial, é devido a Igreja Catedral, está passando por uma reforma, na qual o termino está previsto para 15 de fevereiro, a pitura por fora vai ficar para depois das chuvas. A igreja tem um livro de ouro para as pessoas de bom coração assinarem dando uma quantia de dinheiro para a reforma da Igreja, a mesma precisa de conserto  como " teto, pintura e outros mais". De já agradece a colaboração de todos.

Os participantes da santa missa de hoje, ficaram chorosos quando o padre disse "rezemos pelos os acidentados de Brumadinho, MG".Disse o padre.
O site acha que este Fato foi marcante que abalou o ser humano no mais íntimo  do  que possa imaginar e lamentamos profundamente.

domingo, 20 de janeiro de 2019

MISSA DAS 11 HORAS

CENTENAS DE FIES PARTICIPAM DA MISSA CELEBRADA ÁS 11 HORAS DA MANHÃ

Resultado de imagem para CENTRO PAROQUIAL DE NOSSA SENHORA DAS DORES - TERESINA
Capela Santa Rita de Cássia

Os fieis lotaram a capela de Santa Rita, para participarem da santa missa que acontece todos os domingos, às 11 horas da manhã; o padre celebrante foi o Frei Frederico Zillnet da paroquia São Raimundo Nonato. O frei é bem humorado.
Houve a entrega da oração do credo para os catequisandos; a oração do Pai Nosso foi cantado.
O frei refletiu bem sobre: pecado e perdão, que devemos ser mais tolerantes uns com os outros, ser humilde. e que a primeira catequese começa na família.
Os parabéns foi para a catequisanda: Iasmim, que Deus a proteja. 

sábado, 19 de janeiro de 2019

SUPER- LUA DE SANGUE DIA 21/01/2019

LUA CHEIA APARECERÁ EM UM TOM AVERMELHADO
Resultado de imagem para FOTO SUPERLUA DE SANGUE
Fonte foto: Moreiranet.com

Fonte https://br.sputniknews.com/ciencia_tecnologia

Na noite de 20 para 21 de janeiro de 2019 vai ocorrer um eclipse total, deixando a Lua em tom avermelhado. O fenômeno também é conhecido como "Superlua de sangue de lobo" e pode ser observado a partir do território de vários continentes.

Um eclipse ocorre quando a Lua passa através da sombra da Terra e o Sol, a Lua e a Terra se alinham perfeitamente. A "Superlua de sangue de lobo" é um eclipse lunar que durará 62 minutos no total. Durante o eclipse, a Lua cheia parecerá ter um brilho vermelho em resultado da luz solar ser espalhada e refratada ao redor da Terra, como indica o portal Space.com.

No Brasil, às 03h12 da madrugada de 21 de janeiro de 2019 (horário de Brasília) o satélite, na sua fase de Lua cheia, estará completamente envolto em um manto avermelhado ou laranja, mas o fenômeno todo poderá ser observado das 0h36 às 5h48 da segunda-feira (21).

Além disso, em Cuba, Peru e Colômbia a Superlua ocorrerá entre as 21h30 de domingo (20) e as 2h48 de segunda-feira (21), e o ponto mais alto será pouco depois da meia-noite, às 0h12.

Na Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai, o apogeu do fenômeno será às 2h12 de segunda-feira (21). No México, a Superlua de Sangue será visível entre as 9h33 e 0h50, e o apogeu está previsto para as 22h13, quando o fenômeno ficará mais evidente.

PAPA PEDE MAIS JUSTIÇA

Papa pede mais justiça em mundo dividido por nacionalismos
Fonte:https://noticias.uol.com.br

CIDADE DO VATICANO, 19 JAN (ANSA) - O papa Francisco recebeu neste sábado (19), no Vaticano, a delegação da Igreja Luterana da Finlândia, e pediu aos cristãos um compromisso de oração e justiça diante de um mundo dividido por nacionalismos.

 "Num mundo dilacerado pela guerra, pelo ódio, pelo nacionalismo e pela divisão, a oração comum e o compromisso com uma maior justiça não podem ser adiados, são omissões que não podemos permitir", declarou.

Francisco lembrou que a "justiça não pode ser feita sozinha", ela é "solicitada e procurada em conjunto".  "Quando rezamos juntos, quando anunciamos o Evangelho e servimos os pobres e os necessitados, nos reencontramos no caminho e o próprio caminho progride para a meta da visível unidade", acrescentou. Para Jorge Bergoglio "o compromisso comum a favor do ecumenismo é um requisito essencial da fé que professamos, uma exigência que vem da nossa própria identidade como discípulos de Jesus".... -

domingo, 13 de janeiro de 2019

MISSA DO DIA 13 DE JANEIRO 2019

 FIEIS PARTICIPAM  DA MISSA NO CENTRO PAROQUIAL
Que o Senhor abençoe, com a paz, o seu povo!
  
"Tu és o meu Filho amado, em ti ponho o meu bem-querer".
Fonte da  foto:(www.google.com.br)

 Os fieis participaram hoje da Missa das 7:30hs celebrada no Centro Paroquial de Nossa Senhora das Dores, pelo o Padre Osório Neto, pároco da Catedral. O Centro encheu de fieis para participaram da celebração do batismo do Senhor; a santa missa iniciou como de costume; houve aspersão de água benta com velas acessas. Velas acessas o padre pediu que os fieis orassem pelo seus padrinhos e madrinhas falecidos.Depois da aspersão foram apagadas as velas e que a vela fosse acessa em um lugar seguro em casa para os padrinhos falecidos. 
A Igreja Catedral de Nossa Senhora das Dores está em reforma desde dia 2 de Janeiro, por este motivo, todas as atividades está acontecendo no Centro Paroquial de Nossa Senhora das Dores, na Rua David Caldas, Centro de Teresina. A previsão para entrega é dia 15 de Fevereiro 2019.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

AMOR É A BASE DE PERDÃO

Papa: é um escândalo ir à igreja e odiar os outros


Papa: é um escândalo ir à igreja e odiar os outros
2019-01-02-udienza-generale-1546418635971.JPG
A oração feita em silêncio, do fundo do coração, e que gera mudanças na vida, e não aquela que desperdiça palavras. Na Audiência Geral desta quarta-feira, o Papa Francisco deu continuidade a seu ciclo de catequeses sobre a oração do Pai Nosso.



Jackson Erpen – Cidade Vaticano

Na primeira Audiência Geral do ano de 2019, o Papa deu continuidade ao ciclo de catequeses sobre o Pai Nosso, iniciado em 5 de dezembro, inspirando-se nesta quarta-feira na passagem de Mateus 6, 5-6.

O Evangelho de Mateus – explicou Francisco aos 7 mil presentes na Sala Paulo VI – coloca o texto do “Pai Nosso” em um ponto estratégico, no centro do Sermão da Montanha (Mt 6, 9-13). Reunidos em volta de Jesus no alto da colina, uma “assembleia heterogênea” formada pelos discípulos mais íntimos e por uma grande multidão de rostos anônimos é a primeira a receber a entrega do Pai Nosso.
O Evangelho é revolucionário


Neste “longo ensinamento” chamado “Sermão da Montanha”, de fato, Jesus condensa os aspectos fundamentais de sua mensagem:



“Jesus coroa de felicidade uma série de categorias de pessoas que em seu tempo - mas também no nosso! – não eram muito consideradas. Bem-aventurados os pobres, os mansos, os misericordiosos, os humildes de coração ... Esta é a revolução do Evangelho. Onde está o Evangelho há uma revolução. O Evangelho não deixa quieto, nos impulsiona, é revolucionário".

"Todas as pessoas capazes de amar, os pacíficos que até então ficaram à margem da história, são, ao contrário, construtores do Reino de Deus”. É como se Jesus - explica o Papa - estivesse dizendo: “em frente, vocês que trazem no coração o mistério de um Deus que revelou sua onipotência no amor e no perdão!”

Desta porta de entrada, que inverte os valores da história, brota a novidade do Evangelho:

“A lei não deve ser abolida, mas precisa de uma nova interpretação, que a leve de volta ao seu significado original. Se uma pessoa tem um bom coração, predisposto a amar, então compreende que cada palavra de Deus deve ser encarnada até suas últimas consequências. O amor não tem limites: pode-se amar o próprio cônjuge, o próprio amigo e até mesmo o próprio inimigo com uma perspectiva completamente nova”.


LEIA TAMBÉM
02/01/2019






Este é “o grande segredo que está na base de todo o Sermão da Montanha: sejam filhos de vosso Pai que está nos céus”, disse o Pontífice, chamando a atenção para o fato de que em um primeiro momento, estes capítulos do Evangelho de Mateus podem parecer um discurso moral, evocar uma ética tão exigente a ponto de parecer impraticável. Mas pelo contrário, “descobrimos que são sobretudo um discurso teológico:

“O cristão não é alguém que se esforça para ser melhor do que os outros: ele sabe que é pecador como todos. O cristão é simplesmente o homem que para diante da nova Sarça Ardente, da revelação de um Deus que não traz o enigma de um nome impronunciável, mas que pede a seus filhos que o invoquem com o nome de "Pai", para deixar-se renovar por seu poder e de refletir um raio de sua bondade por este mundo tão sedento de bem, tão à espera de boas notícias”.
Coerência cristã


E Jesus – explica o Papa – introduz o ensinamento da oração do “Pai Nosso” distanciando dois grupos de seu tempo, começando pelos hipócritas”, que rezam nas praças e sinagogas para serem vistos. “Há pessoas – disse o Francisco - que são capazes de tecer orações ateias, sem Deus: fazem isso para serem admiradas pelos homens”, completando:

“E quantas vezes nós vemos o escândalo daquelas pessoas que vão à igreja, estão lá todo o dia, ou vão todos os dias, e depois vivem odiando os outros e falando mal das pessoas. Isto é um escândalo. Melhor não ir à igreja. Viva assim como ateu. Mas se você vai à igreja, viva como filho, como irmão e dá um verdadeiro testemunho. Não um contratestemunho”.


A oração cristã, pelo contrário, não tem outro testemunho crível senão a própria consciência, onde se entrelaça intensamente um diálogo contínuo com o Pai.
Rezar com o coração


Jesus então, continuou Francisco – “toma distância das orações dos pagãos” - que acreditavam ser ouvidos pela força das palavras. O Papa recorda a cena do Monte Carmelo, onde diferentemente dos sacerdotes de Baal que gritavam, dançavam, pediam tantas coisas, é ao Profeta Elias, que fica calado, que o Senhor se revela:

“Os pagãos pensam que falando, falando falando, se reza. Também eu penso aos tantos cristãos que acreditam que rezar – desculpem-me – é falar a Deus como um papagaio. Não! Rezar se faz do coração, de dentro”.

O Pai Nosso – reitera o Santo Padre - “poderia ser também uma oração silenciosa: basta no fundo colocar-se sob o olhar de Deus, recordar-se de seu amor de Pai, e isto é suficiente para serem ouvidos”.
Deus não precisa de sacrifícios para conquistar seu favor


“Que bonito pensar que o nosso Deus não precisa de sacrifícios para conquistar o seu favor! Ele não precisa de nada, nosso Deus: na oração pede somente que tenhamos aberto um canal de comunicação com ele, para nos descobrirmos sempre seus amados filhos”, disse o Papa ao concluir.

Após o resumo da catequese nas diversas línguas, um grupo circense cubano fez uma apresentação com danças e malabarismos, envolvendo o Papa Francisco em algumas brincadeiras.

CF 2019 quer incentivar os cidadãos na formatação de Políticas Públicas

CF 2019 quer incentivar os cidadãos na formatação de Políticas Públicas 


Resultado de imagem para texto base cf 2019

Buscando estimular a participação em Políticas Públicas, à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja, para fortalecer a cidadania e o bem comum, a Campanha da Fraternidade 2019 terá início em todo o país no dia 6 de março. Com o tema “Fraternidade e Políticas Públicas” e lema “Serás libertado pelo direito e pela Justiça”, a CF busca conhecer como são formuladas e aplicadas as Políticas Públicas estabelecidas pelo Estado brasileiro.

Como forma de despertar a consciência e incentivar a participação de todo cidadão na construção de Políticas Públicas em âmbito nacional, estadual e municipal, a Comissão Nacional da CF preparou o texto-base, que contou com a participação e contribuição de vários especialistas e pesquisadores, bem como com a consulta a lideranças de movimentos e entidades sociais. Dividido no método ver, julgar e agir, o subsídio aponta uma série de iniciativas que ajudarão a colocar em prática as propostas incentivadas pela Campanha.

Como exemplo dessas ações, o texto-base além de contextualizar o que é o poder público, os tipos de poder e os condicionantes nas políticas públicas, fala sobre o papel dos atores sociais nas Políticas Públicas.

De acordo com padre Leonildo Campelo, coordenador da Cf em nível Arquidiocesano, a participação da sociedade no controle social das Políticas Públicas é outro tema de destaque no texto-base. “Política Pública não é somente a ação do governo, mas também a relação entre as instituições e os diversos atores, sejam individuais ou coletivos, envolvidos na solução de determinados problemas”, afirma.

Ainda segundo o sacerdote, devem ser utilizados princípios, critérios e procedimentos que podem resultar em ações, projetos ou programas que garantam aos povos os direitos e deveres previstos na Constituição Federal e em outras leis. Por isso, segundo ele, a temática se fez necessária para a CF de 2019. “Políticas Públicas são as ações discutidas, aprovadas e programadas para que todos os cidadãos possam ter vida digna”, explica.

Além do texto-base, outros materiais foram produzidos para dar apoio nesta missão: círculos bíblicos, que trazem aprofundamento da Palavra de Deus; sugestão de celebração ecumênica, para reunir pastores e representantes de outras Igrejas na preparação desse evento; a Cartilha Fraternidade Viva, rodas de conversa com a perspectiva de aprofundar-se no tema, na vigília eucarística e celebração da misericórdia. Todos eles estão disponíveis no site da Editora da CNBB.

Cartaz CF 2019

Levando em consideração que as Políticas Públicas dizem respeito a toda a sociedade em suas várias dimensões e que visam assegurar os direitos humanos mais elementares para que cada pessoa tenha condições de viver com dignidade, o autor do cartaz da CF 2019, padre Erivaldo Dantas, buscou ressaltar na arte, através de silhuetas, a presença de algumas categorias sociais que considera importante para a reflexão da Igreja e da sociedade.

A escolha da obra vencedora foi feita pelo Conselho Episcopal Pastoral (Consep) da CNBB e devia obedecer a especificações estipuladas no edital do concurso, entre as quais evidenciar o tema da CF 2019: “Fraternidade e Políticas Públicas” e o lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça (Is 1,27)”.

Outras informações

A coordenação da CF Arquidiocesana pretende realizar seminário preparatório sobre a Campanha da Fraternidade 2019, que será vivenciada no Tempo da Quaresma, com o tema: Fraternidade e políticas públicas; e lema: “Serás libertado pelo direito e pela justiça”, passagem bíblica do Livro do Profeta Isaías, capítulo 1, versículo 27. O encontro deve acontecer em meados de fevereiro, com data ainda por definir.

Com informações do site da CNBB

Por Vera Alice Brandão