terça-feira, 18 de junho de 2019

Santinha de Baependi

14 de junho é celebrada a Bem-Aventurada Nhá Chica


Fonte:https://www.acidigital.com

“É porque eu rezo com fé”, costumava dizer a Bem-Aventurada Francisca de Paula de Jesus àqueles que recorriam a ela. Negra, analfabeta e filha de escravos, Nhá Chica, como ficou conhecida, dedicou sua vida humilde à caridade e é celebrada neste dia 14 de junho.

Francisca de Paula de Jesus nasceu em 1808 em São João del-Rei (MG) e mudou-se com a mãe e o irmão para Baependi, no mesmo estado. Ficou órfão aos dez anos, seu irmão tinha 12 anos, e os dois ficaram sob os cuidados de Nossa Senhora, a quem Francisca logo passou a chamar de “Minha Sinhá”.

Foi de sua mãe que ela recebeu uma grande devoção a Nossa Senhora da Conceição, que carregou ao longo de toda a sua vida. Soube administrar bem tal herança espiritual e ficou conhecida como “mãe dos pobres”.

Nunca se casou, porque decidiu dedicar-se totalmente ao Senhor. Sendo analfabeta, gostava quando alguém lia para ela as Sagradas Escrituras. Não pertenceu a uma organização religiosa e era respeitada por todos que a conheciam, desde o mais humilde dos homens aos mais poderosos de seu tempo.

Sempre atendeu com especial atenção cada pessoa que a procurava, muitos em busca de conselhos, palavras de conforto e oração.

Uma das coisas que se destaca em sua vida é a novena que compôs à Nossa Senhora da Conceição. Do mesmo modo, em honra a Ela, construiu ao lado de sua casa uma pequena igreja, onde venerava uma imagem desta devoção mariana e diante da qual rezava piedosamente por todas as pessoas que se recomendavam a ela.

Em 1954, esta igreja foi confiada à Congregação das Irmãs Franciscanas do Senhor e, atualmente, é o Santuário de Nossa Senhora da Conceição. Ao lado do templo é realizado um trabalho de assistência a crianças carentes que é mantido por devotos de Nhá Chica.

Finalmente, depois de uma vida dedicada à oração e ao serviço aos necessitados, a Santinha de Baependi morreu em 14 de junho de 1895.

Em maio de 2013, em uma histórica cerimônia para a Igreja no Brasil, foi beatificada, após o reconhecido da cura milagrosa de um problema de nascença no coração da professora Ana Lucia Meirelles Leite, o qual, no momento em que ela ia ser operada, foi constatado pelos médicos que havia desaparecido.

TRADIÇÃO DO PÃO DE SANTO ANTONIO

Assim nasceu a tradição do pão de Santo Antônio
Fonte: https://www.acidigital.com


Pão de Santo Antônio

REDAÇÃO CENTRAL, 13 Jun. 19 / 08:00 am (ACI).- O Reitor da Basílica de Santo António de Pádua, na Itália, Pe. Oliviero Svanera, explicou a origem do tradicional pão de Santo Antônio que se entrega em muitos lugares do mundo em 13 de junho, dia no qual a Igreja celebra o grande santo.


Em um diálogo com ACI Stampa - agência em italiano do Grupo ACI - Pe. Svanera assinalou que "o pão de Santo Antônio é sinônimo de caridade. Esta tradição nasceu a partir de um dos milagres do santo, cujo protagonista foi Tomasito, um menino de 20 meses que se afogou em um poço de água".

O reitor contou que "a mãe desesperada invocou a ajuda do santo e fez uma promessa: se conseguisse esta graça, ia dar aos pobres uma quantidade de pão igual ao peso do menino. E milagrosamente o pequeno voltou a viver”.

Este milagre, continuou o sacerdote, "deu origem a duas obras fieis ao espírito de Santo Antônio: A primeira é a Obra do Pão dos Pobres, organização antoniana em Pádua responsável por levar alimentos e materiais básicos e assistência às pessoas necessitadas".

O segundo trabalho é a "Caritas Antoniana Onlus, organismo de caridade dos frades do santo, que em 2016 apoiou 124 projetos de desenvolvimento em 40 países do mundo, com um total de 2,6 milhões de euros".

Além disso, o Reitor destacou que a devoção “do ‘Santo do Povo’ é universal, talvez porque ele quis considerar o mundo inteiro como sua casa. Nasceu em Portugal, foi ao Marrocos para levar a fé, chegou à Sicília depois de um naufrágio (...) se uniu aos frades de São Francisco que o enviaram à França. Quando voltou para a Itália, se estabeleceu em Pádua, onde morreu em 1231".

"Dizem que falava uma língua com milhares de sotaques, mas todos compreendiam. E ele era próximo a todos: pobres, pessoas com dificuldade, doentes. Neste ser irmão de todos, também está a sua universalidade", afirmou o Pe. Svanera.

O reitor do Santuário destacou o exemplo do santo para viver a humildade e a necessidade de superar a "tentação do poder, o orgulho e, como diria o Papa Francisco, o mundanismo".

SAUDE DE BENTO XVI VAI MUITO BEM

Vaticano se pronuncia sobre saúde de Bento XVI
Papa Emérito Bento XVI. Crédito: Vatican Media / ACI Prensa.


Vaticano, 18 Jun. 19 / 10:42 am (ACI).- O diretor interino da Sala de Imprensa da Santa Sé, Alessandro Gisotti, desmentiu os rumores sobre o estado de saúde do Papa Emérito Bento XVI, os quais asseguravam que ele tinha sofrido um AVC ou derrame cerebral.

Na segunda-feira, 17 de junho, começaram a circular rumores em diversos meios de comunicação e redes sociais que afirmavam que Bento XVI havia sofrido uma leve isquemia, que desencadeou um AVC.

No entanto, Alessandro Gisotti assegurou ao jornal britânico ‘Catholic Herald’ que "esses rumores são falsos".

O Papa Emérito Bento XVI tem 92 anos e está retirado há seis anos no mosteiro Mater Ecclesiae, dentro do Vaticano. É atendido por quatro leigas consagradas do Movimento Comunhão e Libertação e pelo prefeito da casa pontifícia e secretário particular Dom Georg Gänswein.

Já no ano de 2017, Dom Gänswein desmentiu outros rumores no Facebook que afirmavam que Bento XVI estava à beira da morte. Em 2018, o Vaticano também desmentiu o boato que dizia que o Papa Emérito sofria de uma "doença paralisante".

Fonte: https://www.acidigital.com

segunda-feira, 17 de junho de 2019

CAMINHADA DA FAZENDA DA PAZ

Um minuto pela vida
caminhada 10
Implantada pelo terapeuta Célio Luiz Barbosa


Fonte http://arquidiocesedeteresina.org.br

A entrada para o evento será 2(dois) Kg de alimentos não perecíveis, podendo ser entregues no escritório da Fazenda da Paz (Rua São Pedro, 1841, Centro, no dia 27 de junho). O encontro é uma oportunidade de conhecimento a respeito da dependência química, sendo uma forma de abraçar a causa e ajudar os necessitados.
OBS: concentração às 7 horas da manhã na Avenida Frei Serafim

Conheça um pouco sobre a Fazenda da Paz

Criada em 1994, a Fazenda da Paz é uma organização não governamental sem fins econômicos, e ao longo de sua trajetória de 24 anos, foi reconhecida como Utilidade Pública Municipal e Estadual, idealizada pelo Padre Pedro Balzi, em parceria com leigos católicos da Arquidiocese de Teresina e implantada pelo terapeuta Célio Luiz Barbosa.

Tem a missão de prevenir, acolher e reinserir dependentes químicos na sociedade brasileira, através da vivência em comunidade terapêutica, promovendo a transformação de vidas e o exercício da cidadania.

Sendo a primeira Comunidade Terapêutica do Piauí, acolhe gratuitamente dependentes químicos que manifestam o desejo de tratamento e mudança de vida.

Por Danúbia Rodrigues

O ESPÍRITO NÃO SE REPETE


"O Espírito não se repete, mas é criativo", diz secretário do dicastério para a vida consagrada

Fonte : www.vaticannews.va

Ao concluir o V Encontro das Novas Formas de Vidas Consagrada, o arcebispo José Rodríguez Carballo destacou a variedade de carismas e encorajou as novas formas de preservar essa rica diversidade.



Cidade do Vaticano


“Novas formas de vida consagrada” será um dos temas fundamentais da próxima Plenária da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica. Foi o que antecipou no último sábado o secretário do dicastério, arcebispo José Rodríguez Carballo, na sessão conclusiva do V Encontro Mundial das Novas Formas de Vida Consagrada.

Dom Carballo também levou aos presentes a saudação e a bênção do Papa Francisco, com quem havia falado horas antes, e demonstrado interesse pelo encontro, assim como pelas novas formas de vida consagrada.


Esta quinta edição do encontro teve lugar em Roma, de 13 a 15 de junho, com 130 participantes provenientes de 22 países, para tratar do tema "Abrindo Caminhos: Consagração e os estados de vida nas novas formas de vida consagrada". Em relação aos encontros precedentes, estavam presentes 39 novas formas de vida consagrada ou famílias eclesiais.

Dom Carballho presidiu a sessão final, no qual se pronunciaram os representantes dos vários grupos de trabalho presentes.

A noção de consagração nos diferentes estados de vida, a comunhão na missão, os modos de pertença segundo o estado de vida e o termo "família eclesial" foram alguns dos temas fundamentais que nasceram dos debates.

Ademais, os grupos em que os participantes estavam distribuídos, refletiram sobre alguns conceitos propostos pelos palestrantes do Encontro: a consagração carismática, a cargo de Lourdes Grosso, m. id.; o termo "famílias eclesiais e relações entre estados de vida", proposto pelo padre Friedrich Bechina, fso; consagração como Aliança com Deus, aprofundado pelo padre José Cristo Rey García Paredes, cfm; e a comunhão missionária, analisada pelo padre Rodrigo Moya, fmvd.

Dom Rodríguez Carballo avaliou muito positivamente a variedade de carismas como sinal do fato de que "o Espírito não se repete, mas é criativo", e encorajou as novas formas a preservarem essa rica diversidade.

O secretário do dicastério para a Vida Consagrada também apontou alguns aspectos a serem considerados nos trabalhos futuros das novas formas: o marco jurídico, a consciência de que a lei deve ajudar a vida; a comunhão eclesial; a relação com os fundadores e fundadoras; o sentido do serviço de autoridade, a noção de consagração e a importância da formação.

Na saudação inicial, padre Jesús Fernández, presidente do Instituto Cristo Redentor, disse que o que distingue as pessoas consagradas é a aspiração à união mística e à santidade, e que, para ajudar a Igreja a ser fermento de santidade, a vida consagrada deve ter autoridade moral.

Por sua vez, M. Margarete Binder, responsável internacional da família espiritual “A Obra”, falou do encontro privado com o Papa Bento XVI, que recomendou, em relação às "novas formas", não serem esquecidos três aspectos fundamentais: paciência, perseverança e oração.

Por fim, padre Rodrigo Carrizo, presidente da Fraternidade Missionária Verbum Dei, disse que as novas formas são um caminho em construção que está se abrindo para as outras que virão no futuro.

As novas formas surgem a partir do século XX e compartilham traços comuns, como a acolhida de todos os estados de vida e o compromisso de responder aos desafios da nova evangelização.



PAPA FRANCISCO NOMEIA BISPO PARA SÃO PAULO / BRASIL

Papa nomeia novo bispo para a Eparquia Nossa Senhora do Paraíso em São Paulo
Monsenhor George Khoury.(foto http://dioceseitabira.org.br)

O Papa Francisco nomeou nesta segunda-feira bispo da Eparquia Nossa Senhora do Paraíso em São Paulo dos Greco-Melquitas, o monsenhor George Khoury.

Cidade do Vaticano

A Eparquia Greco-Melquita Nossa Senhora do Paraíso estava vacante desde fevereiro de 2018, quando o Papa Francisco autorizou a transferência de dom Joseph Gébara para a Arquieparquia Greco-Melquita de Petra e Filadélfia, na Jordânia. Desde então, a Eparquia no Brasil estava sendo conduzida pelo bispo auxiliar de São Paulo (SP) dom Sérgio de Deus Borges, designado como administrador apostólico em 23 de maio de 2018.

Em comunhão com a Igreja Católica Apostólica Romana, a eparquia é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Greco-Católica Melquita no Brasil, sendo uma das igrejas Sui Iuris. Foi instituída em 26 de maio de 1972 pelo papa Paulo VI, sendo sua Sé a Catedral de Nossa Senhora do Paraíso, na cidade de São Paulo.

Monsenhor George Khoury

Nomeado bispo da Eparquia Greco-Melquita Nossa Senhora do Paraíso, monsenhor George Khoury é natural da cidade de Safita, no Estado de Tartous, no noroeste da Síria. Nascido em 1970, cursou faculdade de letras em Al-Baath Universidade-Homs, formando-se em 1992. Atuou como professor de língua inglesa nas escolas das periferias da cidade de Safita.

No final de 1994, entrou no convento de São Paulo, em Safita, onde estudou teologia de 1994 a 1998. Foi ordenado diácono em 1998 por dom Michael Yatim e sacerdote, em 1999, por dom Fares Maakaroun. Em 2000, pela autorização do patriarca Makssimos Hakim, foi enviado ao Brasil.

Desde então, atuou como pároco na catedral Nossa Senhora do Paraíso em São Paulo (SP). Em 2003, foi transferido para a paróquia de São Basílio e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Rio de Janeiro. Em janeiro de 2009, recebeu o título de monsenhor.

Possui especialização em Sagradas Escrituras e pós-graduação em Docência do Ensino Religioso pela faculdade Futura, de Votuporanga (SP).

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) enviou saudação ao novo membro do episcopado:

Saudação da CNBB ao Monsenhor George Khoury

Brasília-DF, 17 de junho de 2019


Prezado Monsenhor George Khoury,

Paz!

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta alegria com o anúncio de sua nomeação feita nesta segunda-feira, 17 de junho, pelo Papa Francisco como novo bispo da Eparquia Greco-Melquita Nossa Senhora do Paraíso.

Unimo-nos fraternalmente ao senhor por sua nomeação e reiteramos nossas preces e nosso afeto, extensivo a toda a comunidade melquita agora confiada ao seu pastoreio e a todo o povo sírio, rogando sempre pela paz em toda a Terra.

O Senhor sempre abençoe os seus caminhos e o seu ministério episcopal, com a intercessão materna de Nossa Senhora. Conte com nosso apoio e orações.

Em Cristo,

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte (MG)
Presidente da CNBB

Dom Jaime Spengler
Arcebispo de Porto Alegre (RS)
Primeiro Vice-Presidente da CNBB

Dom Mário Antônio da Silva
Bispo de Roraima (RR)
Segundo Vice-Presidente da CNBB

Dom Joel Portella Amado
Bispo auxiliar da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
Secretário-geral da CNBB

(Fonte: CNBB)

HOMENS CASADOS PODEM SER PADRES NA AMAZONIA

Vaticano cogita permitir que homens casados se tornem padres na Amazônia

O Papa Francisco em uma das audiências semanais no Vaticano. — Foto: Remo Casilli/Reuters
PAPA FRANCISCO

Possibilidade deve ser aberta preferencialmente para indígenas. Hoje, homens podem exercer a função de diáconos.


Por Lara Pinheiro, G1

17/06/2019 06h59 Atualizado há 18 minutos

O Vaticano emitiu, nesta segunda-feira (17), um documento que recomenda à Igreja Católica que considere ordenar homens mais velhos, casados e que tenham famílias constituídas, como padres em regiões remotas da Amazônia. A medida se aplicaria àqueles que tiverem, de preferência, ascendência indígena.
O documento também pede que seja identificado algum tipo de ministério oficial que possa ser conferido às mulheres.
Segundo agências internacionais, o documento é a menção mais direta em um documento do Vaticano à possibilidade de que homens casados possam ser padres. Hoje, eles podem exercer a função de diáconos — o diaconato é um dos ministérios da Igreja.
"Afirmando que o celibato é uma dádiva para a Igreja, pede-se que, para as áreas mais remotas da região, se estude a possibilidade da ordenação sacerdotal de pessoas idosas, de preferência indígenas, respeitadas e reconhecidas por sua comunidade, mesmo que já tenham uma família constituída e estável, com a finalidade de assegurar os Sacramentos que acompanhem e sustentem a vida cristã", diz o documento.
Veja mais detalhe aqui g1.globo.com   

domingo, 16 de junho de 2019

SOLENIDADE DE CORPUS CHRISTIS / 20/06/2019

CONVITE
CORPUS CHRISTI / 2018

NO DIA 20 DE JUNHO, ÀS 6 HORAS DA MANHÃ, ESTAMOS ESPERANDO VOCÊ PARA A MONTAGEM DO TAPETE NA PRAÇA DA IGREJA DE NOSSA SENHORA DAS DORES. SUA PRESENÇA É MUITO IMPORTANTE!
A CONFECÇÃO COMEÇA ÀS 6HS DA MANHÃ.

MISSA CAMPAL
A SANTA MISSA COMEÇA ÀS 4 HORAS DA TARDE, NO ADRO DA IGREJA E SEGUIDO  DE PROCISSÃO EUCARÍSTICA ATÉ A IGREJA DE SÃO BENEDITO

ANIVERSARIO DE DOM JACINTO /16 /06

Fieis, amigos e familiares participam da missa de aniversário de Dom Jacinto
DOM JACINTO DE BRITO

Foi celebrado na noite de hoje, dia 16, a missa de ação de graças pelos aniversário de natalidade do Bispo de Teresina, dom Jacinto de Brito. Estiveram presentes amigos, parentes e familiares, na Igreja Catedral de Nossa Senhora das Dores. Após a santa missa houve um refrigelio na casa episcopal com música ao vivo. E viva o Bispo metropolitano de Teresina!

sábado, 15 de junho de 2019

Carboni beatificada na Sardenha

Italiana Edviges Carboni beatificada na Sardenha



Cidade do Vaticano

O prefeito da Congregação das Causas dos Santos, cardeal Angelo Becciu, presidiu na manhã deste sábado, 15, em Pozzomaggiore, Sardenha, à solene celebração de beatificação de Edviges Carboni.

Edviges nasceu em 2 de maio de 1880, em Pozzomaggiore, Sardenha, em uma família de fazendeiros. Aos 5 anos, teria tido as primeiras visões de Jesus, da Virgem Maria e do seu Anjo da Guarda. Por isso, com apenas cinco anos de idade, fez votos de castidade.

Durante a sua juventude, era muito piedosa e participava todos os dias da Missa, da catequese para as crianças e das Irmandades e Movimentos, inclusive o da Ordem Terceira de São Francisco. No entanto, dedicou-se muito ao alívio da miséria dos enfermos e necessitados da sua cidade.

Desde a sua infância, Edviges queria entrar para a Vida religiosa, mas, seu confessor a dissuadiu, alegando que sua família precisava muito dela, uma vez que sua mãe havia falecido: devia substituí-la nos afazeres domésticos e sustentar seus irmãos.

Em 1911, aos 31 anos, Cristo lhe teria dito: "Edviges, quero que você seja a efígie da minha paixão". Assim, ela recebeu os estigmas da Paixão do Senhor em seu corpo. Este fenômeno místico não pôde permanecer oculto, causando desconfiança e calúnias das pessoas.

Em 1929, Edviges deixou a Sardenha e se transferiu, com sua família, para Roma, onde fez trabalhos humildes e se dedicou às obras de caridade. Durante a Segunda Guerra Mundial, de modo especial, assistiu os feridos, abandonados e prisioneiros políticos; ofereceu suas mortificações e sacrifícios físicos pela conversão dos pecadores e a salvação de todos os homens, sobretudo os que perseguiam os cristãos, no regime comunista. Com seu exemplo e conselhos, Edviges conseguiu muitas conversões ao cristianismo.

Em sua vida, Edviges foi muito estimada por São Luís Orione, São Padre Pio e seu confessor, Padre Felice Capello, que já a consideravam santa.

Edviges Carboni faleceu, repentinamente, em Roma, na noite de 17 de fevereiro de 1952, com setenta e dois anos de idade.

Seus restos mortais, trasladados em 2015 para o Santuário de Santa Maria Goretti, em Netuno, hoje descansam na paróquia de São Jorge Mártir, em Pozzomaggiore, sua cidade natal.


quarta-feira, 12 de junho de 2019

DIA DOS NAMORADOS

Opus Dei - 10 frases do Papa Francisco para os namorados

O verdadeiro amor é amar e deixar-me amar

Arraial das famílias

Arraial das famílias acontece dia 15 de junho
arraialdasfamilias
Potycacana

Durante o Arraial será realizado o sorteio dos prêmios: 2 carros, 4 motos e 4 TV’s.
Fonte: http://arquidiocesedeteresina.org.br

sábado, 30 de março de 2019

Renovação Carismática Católica promove Encontro de cura interior

Renovação Carismática Católica promove Encontro de cura interior

Cura RCC

Nos dias 27 e 28 de abril a Renovação Carismática Católica da Arquidiocese de Teresina (RCC Teresina) realizará um Encontro de Cura Interior. O Encontro acontecerá no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PI) Seccional Piauí.

As inscrições serão feitas em dois lotes e gratuitas para participantes de até 13 anos de idade. O primeiro lote (até 13 de abril) custará 15 reais. Após esse período até o dia do evento ficará por um valor fixo de 20 reais. O pagamento poderá ser feito por depósito bancário em nome de Marlene Maria Barbosa na Caixa Econômica Federal, agência 29, operação 013, conta 289546-3 e/ou na Casa de Maria – Escritório Administrativo da RCC Teresina , na praça da Vila Operária, zona Norte de Teresina.

Mais informações com Livânia Norberta, organizadora do Encontro pelo Whatsapp (86) 9903-9641.

BAIRRO PROMORAR REBERÁ VISITA PASTORAL MISSIONÁRIA

Região do Promorar receberá a primeira Visita Pastoral Missionária de 2019
santa luzia paroquia

A região do Promorar, localizada na zona sul de Teresina, vai receber a primeira Visita Pastoral Missionária de 2019. O evento acontece na Paróquia de Santa Luzia,nos dias 04,05,06 e 07 de abril.

O objetivo da visita pastoral missionária é permitir que o Arcebispo Metropolitano, Dom Jacinto Brito, conheça, de forma direta, a realidade da paróquia e comunidades locais, para melhor servi-la, animando a missão evangelizadora, apoiando e orientando as atividades desenvolvidas no âmbito administrativo e pastoral.

A paróquia de Santa Luzia fica localizada na Avenida Ulisses Guimaraes S/N- Praça da Bíblia- Promorar. 
Todos são convidados, sejam bem vindos!.


domingo, 24 de março de 2019

SANTUÁRIO DE APARECIDA

DEZENAS DE FIEIS DE TERESINA VISITAM O SANTUÁRIO DE NOSSA SENHORA APARECIDA


Os fieis de Teresina visitaram o santuário de Aparecida na região sudeste do Brasil, que fica no Estado de São Paulo, na ocasião participaram da santa missa com o Padre Marcelo.Segundo dona Alzerina Pinho a viagem foi " uma passeio abençoado" e na ocasião tiraram muitas fotos com o Bispo de São Paulo, Dom Fernando, Padre Osório e entre peregrinos.